No

cias

Notícias

UBC atualiza tratamento de dados pessoais no Portal do Associado
Publicado em 24/11/2021

Imagem da notícia

Mudança que afeta também o site tem como objetivo atender à Lei Geral de Proteção de Dados

Do Rio 

A UBC atualizou sua política de tratamento de dados pessoais no Portal do Associado e no site, atendendo ao exigido pela Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). Quem tem dados pessoais no cadastro dos portais tem direito de geri-los, procurar saber quais são os que integram o nosso banco de dados, corrigi-los e determinar ainda como serão usados.

Os dados pessoais com os quais lidamos na atividade de gestão coletiva de direitos autorais musicais são informações relacionadas à pessoa física identificada ou identificável. Exemplos de dados pessoais incluem nome, endereço de e-mail, telefone e CPF. 

O tratamento dos dados pessoais pelo Portal do Associado e pelo site é apenas para fins legítimos, lícitos e relacionados com as atividades de execução pública musical, sempre observando as legislações vigentes e boas práticas de mercado. Desta forma, buscamos:

  • Melhorar a distribuição de direitos autorais de execução pública musical;

  • Proporcionar uma melhor experiência com a UBC;

  • Cumprir com as exigências legais, como: leis, regulamentações e resoluções;

  • Atender às suas necessidades e expectativas como usuário de música, parceiro, colaborador ou usuário dos nossos serviços;

  • Valorizar o tratamento justo, digno, cortês e equitativo, assegurando o sigilo das informações.

Além das já citadas informações como nome, endereço de e-mail e CPF, empresas em cujos portais você tem um cadastro podem recolher dados de caráter sensível. É o caso, por exemplo, de informações sobre origem racial ou étnica, convicção religiosa, opinião política, filiação a sindicato ou a organização de caráter religioso, filosófico ou político, dados referentes à saúde ou à vida sexual, dados genéticos ou biométricos. Estes, segundo a lei, exigem extrema cautela para evitar vazamentos ou no próprio uso pela empresa. A UBC não recolhe nem utiliza nenhum destes dados acima mencionados. 

"O processo de adaptação do site da UBC às questões que envolvem a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) foi relativamente fácil porque já havíamos desenvolvido nossos sistemas tendo como primícia a proteção de dados e usando as melhores práticas de mercado. Foi só preciso criar o portal da privacidade e dar notoriedade aos usuários de nosso site e sistemas", disse Fabio Geovane, gerente de Operações da UBC. 

Ele conta que foram feitos investimentos na área de TI para garantir uma segurança cada vez maior dos dados, além de ter sido feito um treinamento de toda a equipe da UBC para a necessidade de proteger essa informação. "A adaptação à LGPD é necessária para todas as empresas brasileiras. A UBC tomou a dianteira para zelar pelos dados dos titulares", descreveu.  

LEIA MAIS: Visite o Portal da Privacidade para conhecer mais detalhes sobre prazos, procedimentos e informações que você deve aportar ao solicitar seus dados 


 

 



Voltar