No

cias

Notícias

Sucesso da websérie “Ponte Aérea: Portugal-Brasil” garante mais uma temporada
Publicado em 29/09/2021

Imagem da notícia

O projeto, patrocinado pela UBC e SPA, proporciona encontros inéditos entre artistas unidos pela língua portuguesa

Por Akemy Morimoto, do Rio

Dois países separados por mais de sete mil km de distância se uniram para falar sobre a língua-mãe em comum. Iniciada em agosto, a websérie que celebra o acordo de reciprocidade entre a UBC e a Sociedade Portuguesa de Autores, “Ponte Aérea: Portugal-Brasil” já trouxe mais de 20 episódios com cerca de 30 convidados. O sucesso dos encontros proporcionou o prolongamento do projeto, que só se encerrará no final de outubro e promete novas conversas sinceras e enriquecedoras com entrevistados como Zélia Duncan, Luisa Sobral e Charles Gavin.

Comandada pela jornalista Fabiane Pereira, as entrevistas são realizadas individualmente ou em duplas, que possibilitam encontros de diferentes gerações da música, além de reencontros entre parceiros e amigos. Nomes como Ronaldo Bastos, Duda Beat, Ney Matogrosso, Zambujo, Russo Passapusso e Capicua já passaram pelas telas da Ponte-Aérea.

O bate-papo entre artistas da música dos dois países mostra que a cultura ultrapassa oceanos e levanta debates necessários que cercam o cenário internacional, como questões políticas, sociais e raciais. Quando se trata de pandemia, Fafá de Belém não pensa duas vezes em afirmar que a cultura, apesar de ser um dos setores mais afetados pelas restrições impostas pelo novo coronavírus, é essencial para a manutenção da saúde da sociedade:

“Todos nós da cultura fazemos parte de uma cadeia de esperança e de vida. Acredito que nós, entre a gente, vamos achar pequenas soluções, mas os ‘donos do dinheiro e donos do mundo’ tem que entender e olhar para a arte como uma peça fundamental para a saúde emocional e física da humanidade.”

Para além de Brasil e Portugal, a língua portuguesa une dez países ao redor do mundo e gera ainda mais diversidade, como é o caso da cantora angolana Pongo, rainha do Kuduro e uma das convidadas para a Ponte Aérea. Na entrevista, ela se mostra animada com o cenário da música lusófona ao redor do mundo: “Levo a minha cultura e a nossa língua pelo mundo afora. Pouco a pouco, as pessoas começam a ter interesse pela nossa cultura, pela nossa língua. Eu vejo nos shows as pessoas a cantar as letras em português e, muitas das vezes, já sabem o significado.”

A ocupação online deixou nítida que as culturas se influenciam mutuamente e que a miscigenação possibilita novas percepções e encontros culturais. Para a jovem fadista  e importante intérprete da música contemporânea portuguesa, Gisela João, a riqueza proporcionada por uma mesma língua é mágica:

“Há um entendimento quando se canta em português do Brasil e outro entendimento quando se canta no português de Portugal. O brasileiro canta a tristeza com um sorriso na cara e o português canta a tristeza de forma séria. Essa imensidão de possibilidades que uma mesma língua pode ter quando se altera a abertura das vogais é uma coisa que me fascina.”

Comprovada nas falas de convidados portugueses durante as entrevistas, como Teresa Salgueiro e Mayra Andrade, a música brasileira chegou aos ouvidos da maioria dos portugueses pelo sucesso das telenovelas da década de 90 e ocupou espaço permanente no país europeu, especialmente na capital, grande polo da cultura mundial. “Graças às trilhas sonoras das novelas brasileiras, nossa música atravessou o Atlântico e, há décadas,  conquistou uma geração”, afirma a apresentadora do canal Papo de Música.

Próximo do último mês de transmissão e com mais de dez horas de programação já exibidas, a websérie segue valorizando a música lusófona e mostrando perspectivas e opiniões das relações geradas pela língua-mãe em comum. 

Encontros virtuais e informais têm permeado toda a série, promovendo culturas dos vários países de língua portuguesa e mostrando aos espectadores que há muito mais afinidades do que diferenças entre nós”, conta a jornalista Fabiane Pereira.

Os episódios da websérie são apresentados às terças-feiras exclusivamente no canal “Papo de Música”. Já os programas das quintas-feiras contam com transmissão simultânea no Papo de Música e no canal de YouTube da UBC. A terceira e última temporada do “Ponte Aérea” termina no dia 29 de outubro e conta com a participação de mais de dez artistas. Confira:

05/10 (terça) – Rui Veloso

07/10 (quinta) – Zélia Duncan + Camané

12/10 (terça) – Luisa Sobral

14/10 (quinta) – Arnaldo Antunes + O Clã

15/10 (sexta) – Charles Gavin + Tim (Xutos & Pontapés)

19/10 (terça) – Ana Bacalhau

21/10 (quinta) – A CONFIRMAR

26/10 (terça) – Carolina Deslandes

28/10 (quinta) – Pierre Aderne + Tito Paris

29/10 (sexta) – Antônio Cícero + Tiago Torres da Costa

 

LEIA MAIS: Um projeto musical para (re)unir Brasil e Portugal

LEIA MAIS: Artistas da UBC são indicados ao Grammy Latino de 2021


 

 



Voltar